352





1   Uma sarça a queimar
     No deserto para Deus;
     Faz-me ser assim, Senhor,
     Pra ter glória o Nome Teu.

2   Uma simples sarça ser,
     Onde mora o meu Deus,
     Pela qual Deus vem falar,
     E Se revelar aos Seus.

3   Expressando Seu amor
     Pelo homem infiel,
     Sem nenhuma luz daqui,
     Só com glória lá do céu.

4   Deus no seu interior,
     Só se vê a chama ali;
     Faz-me ser assim, Senhor,
     Para Tua glória aqui.


Categoria: Anelos
Subcategoria: Por Deus como Vida

Letra: Margaret E. Barber
Música: Wolfgang Amadeus Mozart
Tonalidade: Fá Maior
Métrica: 7.7.7.7
Ing: 352
Esp: -
Chi: 272
Cor: 352