23





1   Em todo o Teu saber, ó Pai,
        Segundo o Teu querer,
     Em Cristo propuseste Tu,
        Teu Filho a tudo encher!

        Oh, que sabedoria, Pai!
           Quem poderá sondar?
        Contudo, graça e mercê,
           Podemos nela achar!

2   Quão admirável Teu criar!
        Sublime Teu pensar!
     Pois tudo é de Ti, por Ti,
        E para Ti, ó Pai!

        Oh, que sabedoria, Pai!
           Quem poderá sondar?
        Contudo, graça e mercê,
           Podemos nela achar!

3   Eis que em pecado Teu saber
        Encerra tudo aqui,
     Assim ninguém se gloriará
        Em nada além de Ti.

        Oh, que sabedoria, Pai!
           Quem poderá sondar?
        Contudo, graça e mercê,
           Podemos nela achar!

4   Mui sabiamente, pela cruz,
        Fizeste a redenção;
     Agora em nosso espír’to és
        Tesouro e porção.

        Oh, que sabedoria, Pai!
           Quem poderá sondar?
        Contudo, graça e mercê,
           Podemos nela achar!

5   Por Tua igreja, então, ó Pai,
        Teu múltiplo saber,
     A todo o poder do céu,
        Se dá a conhecer.

        Oh, que sabedoria, Pai!
           Quem poderá sondar?
        Contudo, graça e mercê,
           Podemos nela achar!

6   E na Jerusalém do céu,
        Gloriando-nos em Ti,
     Sabedoria sem igual,
        Se mostrará ali.

​        Oh, que sabedoria, Pai!
           Quem poderá sondar?
        Contudo, graça e mercê,
           Podemos nela achar!


Categoria: Adoração ao Pai
Subcategoria: Sua Sabedoria

Letra: Witness Lee
Música: Samuel Augustus Ward
Tonalidade: Si bemol Maior
Métrica: 8.6.8.6.D
Ing: 23
Esp: 16
Chi: 20
Cor: 23

  • MP3 com voz não disponível
  • MP3 Instrumental não disponível

  • Partitura não disponível
  • MP3 com voz não disponível
  • MP3 Instrumental não disponível